Análises de Mercado 2010 – parte 1

A todos os que esperavam a análise ao Autosport peço desculpa, pois apenas virá para as 15h. Em vez disso vêem as análises à situação do mercado de pilotos (e de motores, que este ano também está a ser giro).

Ferrari

Após as brilhantes exibições de Raikkonen, a equipa tem um belo problema pela frente, pois já ninguém (nem o finlandês) tem a certeza se será despedido no final do ano para dar lugar a Alonso… Daí que a Ferrari seja a única equipa que pretende colocar 3 carros em pista.

Luca Badoer e Marc Gené têm tentado, mas (especialmente o italiano) não deverão ser mantidos, pois Domenicalli quer dar lugar a jovens. Schumacher tem agendado um teste com o F60 para o final do ano, e se Badoer e Gené não ficarem poderá ser um valioso piloto de testes…

McLaren

A McLaren tem um problema parecido ao da Ferrari, porque apesar dos rumores de cisão entre a equipa com a Mercedes e Hamilton, estes parecem ter desaparecido. Gary Paffett deverá, mais uma vez, desempenhar a função de piloto de testes que nunca chega a pilotar o carro…

Para o segundo carro, há três candidatos: Raikkonen poderá regressar a Woking, onde lutou pelo título em 2003 e 2005, mas o salário parece impeditivo; Kovalainen tenta manter o lugar, mas não me parece que isso aconteça, apesar de ter pontuado nas últimas quatro corridas; a melhor opção parece ser Rosberg que com o abandono da BMW teve que procurar outras equipas.

Ao contrário da Ferrari que só procura “dentro de casa”, a McLaren faz o contrário e o pobre De la Rosa, já merecia uma oportunidade.

Renault

Com todos os problemas que tiveram com os comissários no GP da Hungria, agora estão outra vez em tribunal pelas infracções de Singapura. Grosjean está a ter este ano, a sua adaptação à F1 para 2010. Di Grassi deverá ficar mais uma temporada na GP2, para seguir mais tarde o mesmo caminho que Kovalainen, Piquet e o próprio Grosjean seguiram.

Para a Renault existem poucas opções para o outro carro, pois Raikkonen e Kovalainen são hipóteses muito ténues, em especial o “Iceman” pelo salário exigido. Alonso poderá manter-se na equipa caso Kimi seja mantido na Ferrari, mas Kubica (esqueci-me de o pôr na imagem…) parece ser a melhor escolha.

Williams

A excelente época de Hulkenberg na GP2, já lhe trouxe um lugar reservado na equipa para 2010, mas a principal novidade é o motor da Renault que passará a equipar os carros de Sir Frank com a condição de deixarem Kubica para os franceses, o que não parece agradar-lhes de todo.

Barrichello e Heidfeld parece ter os seus lugares garantidos nas equipas a que pertencem (ainda que o alemão esteja condicionado pela possibilidade dessa mesma equipa não participar…). Rosberg continua a ser “perseguido” por Frank Williams, mas não me parece que o inglês seja bem sucedido…

Campos

Antes que perguntem, não. A foto não é do carro da Campos para 2010 (apesar de os motores Cosworth conferirem atrasos previstos de 4s…), mas sim de Adrián Campos na Minardi, porque foi a única foto com resolução aceitável que encontrei.

Enfim, de la Rosa está garantido na equipa, com os 10 anos de experiência, e os patrocínios da Repsol darem uma mãozinha. Para o outro lugar, não faltam candidatos, com a própria equipa com dúvidas na escolha, já que colocaram a mesma pergunta no seu Facebook

Anúncios
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: