ING Belgian Grand Prix 2009 – Corrida

Spa-Francorchamps sempre teve a tradição de sediar corridas excitantes, e esta não foi excepção. A primeira vitória do ano para Raikkonen e Ferrari em 2009, era há muito esperada, e o facto de ter acontecido na Bélgica não passa despercebido a ninguém… O finlandês usou da melhor maneira o KERS, para se encostar a Fisichella, e mais tarde usou-o novamente para passar o italiano!

“Físico” brilhou, podendo mesmo ter ganho a corrida, já que o seu Force India estava mais rápido que o F60. Na conferência afirmou estar um pouco desiludido por não ter ganho, pois acabou a pouco tempo de Kimi. Os seus companheiros estiveram longe dos pontos, com Badoer a, provavelmente, ser substituído para o próximo GP…

A Red Bull conseguiu colocar Vettel de regrsso à luta pelo título, com um pódio que se deveu mais a azares de outros, que à sua condução. Webber poderia ter ganho mais terreno, pois estava em 5º, mas o facto de quase ter eliminado Heidfeld no pitlane, custou-lhe um “drive-through” e pontos preciosos…

Após o anúncio do fecho das fábricas da BMW, Mario Theissen afirmou estar empenhado em abandonar competitivamente. Parece que sim, dado o ritmo dos F1.09 em Spa! Apesar do pódio não ter sido conseguido, foi o melhor resultado da equipa este ano, a primeira vez que ambos os carros pontuam numa corrida este ano.

Após duas corridas em grande para a McLaren, a corrida belga foi um regresso ao passado, com Hamilton a ser eliminado na carambolada da 1ª volta, e Kovalainen na sombra e brilhante para conquistar 3 pontos que lhe podem valer o lugar de 2010. Button também se envolveu no acidente com Hamilton, mas tal como o inglês não teve culpa…

Barrichello desperdiçou uma oportunidade de ouro para tirar a desvantagem para Jenson, mas um problema na largada (sim, outro…) obrigou-o a mudar de estratégia, e ainda teve que dar atenção ao motor nas duas últimas voltas, quando se preparava para pressionar Kovalainen… Toro Rosso voltou a estar condenada ao fim do pelotão, com a subida de forma dos Force India. Alguersuari colocou ainda as culpas em Hamilton num acidente, em que foi o principal culpado…

A Toyota não esteve melhor, não conseguindo pontos, quando uma vitória parecia estar nas mãos de Trulli, só que tudo acabou na traseira de Raikkonen com a asa da frente a ter que ser mudada, e mais tarde os travões acabaram tudo. Glock nem se viu, não despotelando a atenção das câmaras…

A Williams nunca se adaptou bem ao circuito, e o ponto solitário de Rosberg soube a muito pouco. Mesmo assim, Nakajima fez pior numa corrida desastrada, apenas na frente de Badoer (ou seja, ninguém na prática…)! A Renault teve um dia para esquecer com Grosjean a eliminar Button, e Alonso teve novamente problemas na paragem (desta vez devido a um toque na 1ª curva), e a equipa não queria arriscar mais um episódio como na Hungria, mandando-o parar…

PS: Desculpem, mas as pontuações terão que ficar para amanhã, mais para o final de tarde: vou estar ocupado. Posso garantir que a espera vai compensar! =D

  1. Willian
    31 de Agosto de 2009 às 0:05

    Foi legal ver o Kimi e o Fisichella no mesmo ritmo durante toda a corrida.

    Não fosse o KERS e poderia ter sido uma vitória da Force India hoje!

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: