Telefónica Grand Prix of Europe – Corrida

Após ter começado a perceber que o sistema de pitacos e mais tarde análise extensiva não estava a funcionar como esperava, decidi voltar ao sistema antigo. No entanto, a seguir às minhas análises vem uma nova funcionalidade: Pontuação de corrida!

Finalmente após muito tempo de espera, Rubens Barrichello consegue voltar às vitórias, com uma brilhante exibição nesta tarde. O brasileiro aproveitou a recuperação da Brawn, e as falhas da McLaren para subir ao lugar mais alto do pódio pela primeira vez na Brawn, e igualmente 1ª fora da Ferrari, e também 1ª desde o GP da China de 2004…

Apesar dos resultados de Rubens, a performance de Button não foi tão espantosa, ficando para trás na largada, e ainda deve estar para descobrir como ganhou aqueles 2 pontos! No campeonato, agora já se tem de preocupar é com o companheiro qe ganhou bastante moral com esta vitória.

Muito provavelmente graças à Red Bull, que deverá ter KERS em Spa. Os austríacos não pontuaram, pois Webber fez um mau “pit stop” que o fez perder para Button e Kubica; Vettel estoirou o segundo motor do fim-de-semana, e já só tem 1 disponível para 6 corridas…

Creio que o alemão já não tem hipóteses de título este ano, e que a Red Bull se deveria concentrar em Webber, pois Sebastian vai ter de certeza uma penalização de 10 lugares à conta dos motores…

Péssima corrida no geral para a McLaren que viu uma dobradinha desperdiçada por má estratégia, que culminou com a falha dos mecênicos para colocarem a roda dianteira direita na 2ª paragem. No final Hamilton até fingiu que ia atropelar Barrichello enquanto este festejava, obrigando o brasileiro a desviar-se…

A Ferrari conseguiu facturar com mais um pódio para Raikkonen (onde o finlandês fez novamen te ar de “frete…), mas Badoer rodou na largada, pisou a linha das boxes e teve um “drive-through”, e mais tarde rodou outra vez! Mesmo assim falhei o meu prognóstico: pensava que ele levaria 2 voltas de avanço, mas afinal foi só 1… Ele diz que esta corrida foi mais para treinar, mas quem corre GP’s para treinar?!

Renault e Williams foram autênticos espelhos, enquanto Alonso e Rosberg aproveitaram ao máximo a corrida para pontuar, os seus companheiros não tiveram tanta sorte, com Grosjean a envolver-se nos incidentes da 1ª curva e Nakajima a ficar em último devido a um furo…

Após os desiares do início da época, a BMW e a Force India parecem estar a ir no caminho certo, com os indianos pertinho do Top Ten, e Kubica pontuou apenas pela 2ª vez este ano. Para a Toyota aquela pole de Trulli na Barhain deve parecer longínqua, outra vez fora dos pontos. Toro Rosso continua pelas ruas da amrgura, e agora já nem têm a companhia dos Force India…

  1. Willian
    23 de Agosto de 2009 às 22:09

    Foi uma vitória emocionante e merecida. Enquanto Button e as Red Bulls foram decepcionantes…

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: