Que venha 2010 para nos divertirmos…

Após meses de batalhas, guerrilhas, birras e encenações chega finalmente ao fim a cavalgada de Mosley nos regulamentos. Sim, porque eu duvido que tenha sido ele ter as ideias principais do regulamento! “Mad” Max não tem princípios suficientes para colocar a F1 em paz…

Enfim, a F1 está de volta à serenidade com a publicação dos regulamentos que ficaram em vigor até 2012. As medidas prometem trazer de volta paz, sossego, e, acima de tudo, competição mais saudável para a competição. Eis os principais pontos dos regulamentos:

Reabastecimentos proibidos: Após 16 anos com o combustível a poder ser colocado nas paragens juntamente com as trocas de pneus, chega ao fim. Para além dos grandes perigos associados, os reabastecimentos retiraram muita acção da pista, que se passou a desenrolar nas boxes…

Qualificação: Apesar da duração das 3 sessões classificatórias continuarem na mesma, existem alterações. Em vez de cinco, oito carros passarão a ser eliminados na Q1 e Q2. A “Superpole” continuará com o “clube restrito” de apenas 10 carros.

A FIA conseguiu ter juízo e não obrigou os pilotos a correrem na qualificação com o depósito cheio para a corrida, voltando a “pole position” a ter outro significado para quem a conquista. Tudo para evitar que aconteça o mesmo que na Hungria

Sistema de medalhas foi ao ar: Apesar das últimas palavras de Bernie Ecclestone em relação às possibilidades de Vettel conquistar o título fossem maiores com o “seu” sistema de medalhas, as regras dos pontos não se alteraram.

Acho que não devemos ir ao exagero de apenas premiar os 3 primeiros, mas o sistema tem que favorecer um pouco mais quem ganha. Bom mesmo era o sistema da FOTA (12-9-7-5-4-3-2-1)…

Regras de testes e KERS mantidos: Tal como o F1 Fanatic também acredito que as pessoas julgaram o KERS demasiado depressa, e numa altura em que o peso mínimo dos carros será aumentado creio que as equipas se vão sentir mais tentadas a transformar os 15kg extra em mais 80 cavalos, e não em mais peso…

Sem surpresas, a FOTA insistiu e conseguiu manter a regra de não haver testes durante a temporada. No entanto, isto vai acabar por impossibilitar o ingresso de piltos novos a meio da temporada (Alguersuari, Badoer, Grosjean) como se fazia há uns anos atrás (Kubica, Vettel).

No entanto, o geral das regras está melhor do que há uns anos atrás, e pode ser que a estabilidade dos regulamentos ajude os técnicos a transformarem estes camiões, em algo mais imaginativo. Alguém se lembra dos flancos do Honda de 2006?

E você, o que acha das regras para 2010?

Anúncios
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: